Albergue ou hotel: a melhor opção de hospedagem em Londres

8
143
Descubra!

Toda viagem envolve diversos aspectos de planejamento. Além do transporte até o destino, a questão mais importante é a acomodação. Em Londres, as principais opções de hospedagem para turistas são os albergues e os hotéis. Por isso, a equipe do Mapa de Londres discorre abaixo das principais vantagens e desvantagens de cada um na sua estada na capital britânica.

Leia também

Sugestões de hotéis em Londres

Acomodação para estudantes

Albergues

Preço

A principal vantagem do albergue é o preço. Dá para encontrar camas em quartos compartilhados por menos de 20 libras por dia. Caso sua viagem tenha duração maior do que cinco dias, pergunte, no momento do check-in, pelas weekly rates. Pagando por uma semana inteira, pode-se economizar ainda mais.

Número de camas

Normalmente, quanto maior o número de hóspedes por quarto, menor o preço por cama. Lembre-se, porém, que uma grande concentração de pessoas no mesmo ambiente acarreta problemas como barulho em horários indesejados e desorganização de malas, mochilas e objetos pessoais. Recomenda-se um máximo de oito camas por quarto na sua estada, caso você não esteja acostumado com albergues.

Viajantes de todos os cantos

Um albergue, principalmente em Londres, reúne pessoas de todas as nacionalidades – e isso não é exagero. Encontram-se especialmente europeus, devido à proximidade geográfica, mas lá também estão americanos, mexicanos, argentinos, chilenos, brasileiros, brasileiros, brasileiros. (Querendo ou não, os brasileiros estão por toda parte.)

Com essa profusão de proveniências, um simples café da manhã, normalmente servido em mesas grandes – guarnecendo diversos hóspedes de quartos diferentes -, transforma-se em uma verdadeiro evento gastronômico-cultural. Assim, “Where are you from?” pode ser uma ótima maneira de entabular conversa e parceria para o descobrimento de Londres.

Cozinhe e economize

Além do preço das diárias, os albergues oferecem outra maneira de o viajante economizar: a cozinha. Em quase todos os albergues, os hóspedes dispõem de uma cozinha, onde podem preparar todo tipo de comida – até um miojo de 8 centavos do supermercado, se o dinheiro estiver realmente contado.

Segurança

Muitos viajantes que ainda não estão acostumados com albergues sentem-se desconfortáveis em ficar em um lugar assim, pois temem por sua segurança ou pela integridade de seus objetos pessoais. Na experiência da equipe do Mapa de Londres, que já passou por 50 albergues em toda a Europa, a segurança do hóspede não é um problema. Há que se ter cuidado, sim, mas nada exagerado.

A maioria dos albergues de Londres oferece armários e cofres para que os hóspedes guardem seus pertences. Seu passaporte, por exemplo, deve ficar sempre a seu alcance e protegido, seja em uma pochete interna ou no cofre mesmo. Não convém deixar em cima da cama celular, relógio, mochila, carteira, etc. Nada que um pouquinho de cuidado não resolva.

Atendimento

Por ser um ambiente jovem e descontraído, as recepções dos hostels tendem a ser extremamente corteses. Dão dicas de caminhos, oferecem mapas e ajudam no que o viajante precisar. Mas não espere serviço de quarto.

Banheiros

Assim como você vai dividir o quarto em albergue, você também vai dividir o banheiro. Isso pode ser ainda mais estranho para muita gente. Quase sempre, mulheres e homens entram em banheiros diferentes, mas não é uma regra. Por isso, não se assuste – ou, se for muito sensível, pergunte antes ou verifique no site.

A menos que você se arrisque em um albergue mambembe, a água dos chuveiros e a temperatura dos banheiros serão quentes o suficiente para espantar o frio costumeiro de Londres.  Ao entrar nos site do hostel, uma boa dica é verificar fotos dos banheiros, pois trata-se de um dos pontos mais importantes de sua pesquisa.

Tipos de albergue

Se você quer ficar alguns dias em Londres e não morar lá durante meses, é bom procurar albergues turísticos. Você vai perguntar? Como assim, existe algum hostel que não seja turístico? Qualquer um recebe o viajante e dá o quarto. O problema é que alguns albergues de Londres são também utilizados por pessoas que moram lá. Evite. Pessoas que moram em hostel costumam ser europeus vivendo às custas do governo e tendem a apresentar hábitos de higiene bem diferentes daqueles com os quais você está acostumado.

Para identificar esse tipo de hostel que abriga moradores, e não turistas, basta verificar o preço e o site. Esses albergues costumam nem ter site e cobram tarifas apenas semanais. Eles também não se encontram nos centros mais turísticos da capital britânica.

Dica

Para encontrar o albergue ideal, o melhor é ler comentários de pessoas que já se hospedaram lá. O Trip Advisor é um site que fornecece esse serviço gratuitamente. Vale muito a pena.

Albergue é para quem:

  • Quer conhecer gente de tudo que é canto
  • Não se importa de ver sua liberdade restringida no quarto
  • Não quer saber de conforto nem de ficar no hostel
  • Pensa em economizar na hospedagem para gastar fora
  • Viaja de mochila

Hotéis

Preço

São mais caros do que os albergues, na grande maioria dos casos. Hotéis razoáveis em Londres partem de 60 libras por noite, mas existem sites, como o Last Minute, que oferece alguns deals incríveis. Consulte sempre antes de viajar, porque você pode dar sorte – atente para os comentários dos hóspedes que ficaram por lá antes de reservar.

Privacidade

Se você já não tem mais seus 20 e poucos anos e deseja curtir Londres em absoluta tranquilidade, sempre com  a garantia de sossego absoluto após um dia de correria e passeios diversos, o melhor é ficar em hotel. Você sabe que pode contar com um chuveiro só seu, um travesseiro só seu, um cofre do lado da cama, uma televisão no quarto para espairecer. Tudo isso sem ser importunado por gente abrindo a porta às 2h da manhã.

Conforto

Os hotéis, em sua maioria, são amplamente mais confortáveis do que os hostels. O travesseiro é mais fofo, a coberta mais delicada e a toalha de banho, mais receptiva. E quando você deita na cama, pode ligar a televisão e assistir a um sitcom britânico.

Atendimento

Por mais que as recepcionistas de albergue se esforcem, não dá para comparar com o atendimento de um bom hotel. Os funcionários de hostels se dividem no atendimento a diversos hóspedes, enquanto um hotel possui estrutura física e funcional mais ampla. E, claro, se bater aquela vontade de comer às 2h da manhã, você pode ligar para o room service, testar seu accent e tentar um dos itens do menu.

Café da manhã

O desjejum é uma parte importante da dieta dos viajantes internacionais. A primeira refeição se configura como a fonte propulsora da energia necessária para o longo dia de descobertas, passeios, caminhadas e jornadas. Pular essa etapa não é aconselhável. Ainda mais com o café da manhã que alguns hotéis oferecem. Escolha um bom, veja as fotos no site antes de reservar e torça para que elas sejam parecidas com a realidade.

Segurança

Para quem ainda não se sente confortável em albergues, ter um quarto só para si pode ser a melhor solução. Mas, mesmo assim, não convém deixar objetos de valor perambulando pelo quarto.

Saiba onde se hospedar em Londres

Hotel é para quem:

  • Tem dinheiro suficiente
  • Não ostenta mais aquele espírito jovem das descobertas
  • Carrega objetos (malas, bolsas, notebooks, câmeras) de valor alto
  • Fica constrangido na presença de outras pessoas ou se incomoda em dividir quarto

 

Reserva de hotéis

Para quem deseja reservar um hotel de maneira confiável e prática, recomendamos o Booking.com, aquele ali do banner abaixo. Criado em 1996, o site é um dos líderes em reservas de passagem online, presente em 164 países e agregando 200 mil hotéis. O Booking.com garante o menor preço tanto em hotéis cinco estrelas quanto em pequenos estabelecimentos independentes. Você pode navegar em português e usar o cartão de crédito, selecionando o hotel por preço, localização ou nome. Clique abaixo para conferir.

Como funciona: o portal é um parceiro dos hotéis, que repassam uma comissão por cada reserva feita. Mesmo assim, embora possa haver exceções, os valores apresentados no Booking são normalmente os mais baixos do mercado. E por cada reserva realizada através do Mapa de Londres, nosso site ganha um pequeno percentual (infelizmente, bem pequeno) da comissão do Booking. Ou seja, quem reserva pelo Mapa de Londres pode ficar tranquilo por estar garantindo o melhor preço e ainda feliz por colaborar com o site, sem custo adicional. (Valeu!)

Leia também

Sugestões de hotéis em Londres

Acomodação para estudantes

Descubra!

8 COMENTÁRIOS

  1. Inglês fluente ou avançado abre muitas portas de oportunidades profissionais, de viagens e de lazer! Hoje existem muitos recursos para se aprender a língua, principalmente pela internet. Depois de muita pesquisa encontrei alguns bons sites, como essa página (http://alcanceafluencia.com/) que fornece treinamentos sobre aprendizagem acelerada, Estudos Gratuitos, Ebooks, Guias e Dicas para aprender inglês com Música! Fantástico! O melhor que já vi!

DEIXE UMA RESPOSTA

Publique seu Comentário
Entre com seu nome aqui