Descubra o que fazer em Londres: como planejar a viagem

Descubra o que fazer em Londres: como planejar a viagem

Este post é para os leitores que perguntam: vou viajar para Londres e vou ficar ‘tantos’ dias. O que fazer em Londres nesse tempo?”. É uma pergunta muito difícil. Você deve imaginar por quê: há muito o que fazer em Londres.

Não se pode responder uma questão dessas com uma fórmula pronta. A resposta diz respeito à grana que você tem, à disposição de gastá-la, a suas preferências culturais, ao seu apreço por determinados tipos de comida, a sua ojeriza por certas atividades, a suas lembranças de filmes (tipo Notting Hill), a sua relação com cervejas e pubs, a sua vontade de assistir a uma peça de teatro ou a uma partida de futebol, aos companheiros de viagem, à quantidade de dias de passeio e a absolutamente todos os fatores que tornam a resposta complicada a ponto de trazer você até o site para lançar essa questão.

Mas será que é possível simplificar um pouco, generalizar um tanto e ajudar quem realmente não sabe por onde começar a elaborar seu roteiro e estabelecer passo a passo o que fazer em Londres?

Palácio de Westminster. Foto: Mapa de Londres
Calma, a resposta não é apenas “Palácio de Westminster”. Foto: Mapa de Londres

O que fazer em Londres em até 7 dias

Digamos que você vá passar 3, 4, 5, 6 ou 7 dias em Londres. Nesse caso, nós temos um e-book que pode ajudar no seu planejamento.

O e-book é o Roteiro do Mapa de Londres, um guia completo para a sua viagem. A diferença para outros guias é que ele não é estático. Você recebe o seguinte conteúdo: um roteiro completo com 7 dias de programação em Londres, uma planilha personalizável para deixar o roteiro com a sua cara e cinco guias com dicas de transporte, ingresso, hospedagem, estações de metrô e imigração.

Ficou interessado? Dê uma olhada na apresentação do guia neste link abaixo:

Roteiro do Mapa de Londres

Descubra o que fazer em Londres com nosso roteiro

O roteiro aponta o que fazer em Londres com horários de atrações, preços atualizados e como chegar até lá. Os textos reúnem as pontos turísticos, os pubs e as dicas que nós aqui do Mapa de Londres pensamos que vão ajudar à maioria dos leitores. Tem coisa ali que pode não agradar 100% a um ou outro, mas, no geral, é um apanhado de tudo que um viajante deveria fazer em sua primeira passagem em Londres, na nossa opinião.

Você discorda de um passeio ou outro? Ótimo. Essa é uma maneira de começar a elaborar o seu verdadeiro roteiro – aquele delineado pelas suas escolhas e preferências, amparado em um roteiro original que pode lhe dar uma plataforma de lançamento para suas próprias ideias. Estique um passeio dali, tire outro de lá, acrescente aqui, e pronto: nosso roteiro dá lugar ao seu roteiro, e essa é a ideia que tentamos incutir em seu planejamento.

Por isso, o roteiro pode, sim, servir de um guia completo para ser seguido à risca. Mas, idealmente, vai nortear o seu próprio roteiro, a sua Londres, e não a nossa. Essa personalização é simplificada com a planilha que você recebe, para ser editada no Google Drive ou no Excel. Ela tem o itinerário resumido e os campos para que você possa adaptar tudo do seu jeito. Exemplo: cortando o museu do Churchill, antecipando as atrações seguintes e adicionando uma ida ao teatro em um dos dias.

E depois você pode imprimir o seu roteiro ou levá-lo no tablet, para acompanhá-lo passo a passo na viagem. Legal, né?

O que fazer em Londres sem o roteiro

Ah, você não quer pagar pelo e-book? Não tem problema. No Mapa de Londres, você encontra mais de 1 mil textos com dicas sobre o que fazer em Londres, boa parte deles com foco especial em suas atrações e nas melhores maneiras de aproveitá-las.

Então comece a usar nossa busca ali em cima: procure por palavras que lhe interessam. Por exemplo, música. Rock. Beatles. Jamie Oliver. Fantasma da Ópera. War Horse. London Eye. Torre de Londres. Palácio de Westminster. Ícones de Londres. História de Londres.

Ponto de partida

Double decker na Regent Street. Foto: Mapa de Londres
Double decker na Regent Street. Foto: Mapa de Londres

Mas às vezes a gente não sabe bem o que procurar. Então principie sua jornada de planejamento pelo nosso Guia de atrações e pontos turísticos de Londres. Temos orgulho desse guia, porque deu muito trabalho para tirar todas essas fotos, garimpar todas essas informações e reunir tudo de uma maneira que possa convidar o leitor a explorar uma gama imensa de dados, números, estações, linhas, preços, dicas e muito mais.

No nosso guia, você vai encontrar as atrações mais visitadas, vai encontrar a agenda cultural, os pontos turísticos separados por região, vai encontrar como comprar ingressos de teatro, como patinar no gelo, o que fazer no fim de ano em Londres, o que fazer no verão, o que fazer de graça, aonde levar as crianças e se vale a pena mesmo assistir à Troca da Guarda (Resposta: nem sempre vale, porque tem muita gente – mas você deve ir igual).

Quebra-cabeças do roteiro

Depois de se aventurar explorando nosso guia de atrações (sim, mesmo que você leia muito, ainda estará apenas na superfície do que Londres oferece), você pode começar a encaixar as peças desse quebra-cabeças.

Você sabe, porque a gente repete toda hora, que as principais atrações estão na zona 1 e 2 (ainda não conhece o mapa do metrô?). Ou seja, de certa forma, estão bem próximas para quem conta com o transporte público da cidade. Mesmo assim, Londres é gigante, e ordenar os passeios por região ou área constitui-se de tarefa necessária para o diligente leitor que planeja a melhor viagem de sua vida.

Foto: Mapa de Londres
Estação de South Kensington. Foto: Mapa de Londres

Então digamos que você tenha uma lista de 10, 20 ou 30 coisas para fazer em Londres. Em cada um dos posts, você encontra o metrô mais perto de onde se localiza o ponto turístico e a linha ou linhas correspondentes.

De posse dessas informações, pode encaixar melhor essa história: em South Kensington, você vai perceber, reúnem-se Science Museum, Victoria & Albert Museum e Museu de História Natural. Opa, talvez você queira visitar dois deles. Ótimo, temos um começo.

Agora vá lá no Google Maps e procure por South Kensington ou por um dos museus. Veja as atrações que existem nas redondezas – está tudo ali! Depois dê uma olhada nas estações de metrô que estão por perto. Encontrou mais alguma estação que está relacionada na sua lista de atrações? E será que não dá para aproveitar a ida a South Kensington e esticar até Kensington Gardens? E o Palácio de Kensington? E o Hyde Park? E…

Zonas centrais do mapa do metrö de Londres
Zonas centrais do mapa do metrö de Londres

Um roteiro trabalhoso

Você entendeu. O primeiro critério para organizar sua curta estada em Londres é definir o que você quer fazer na cidade e depois planejar, a partir das áreas e regiões da cidade, cada um dos seus dias.

É trabalhoso? Sim. Vai demorar? Provavelmente. Mas, para muita gente, é assim que se começa a viagem.

Talvez a sua jornada já tenha começado – e perguntar “O que devo visitar em Londres?” ou “O que fazer em Londres?” seja o princípio de sua aventura pela capital britânica.

E, claro, a gente vai tentar ajudar ao máximo. Por exemplo, você já viu nossa lista com as principais estações de metrô de Londres, todas acompanhadas das atrações que se encontram nas redondezas? E nossa lista das linhas de metrô de Londres, acompanhadas de suas estações, para que você comece a organizar seus percursos pela cidade?

Você é quem sabe o que fazer em Londres

Outro ponto importante ao planejar sua viagem é ter a liberdade de não ir aonde você não quer. Exemplo: odeio museus, mas todo mundo diz que o Museu de Londres é imperdível, então vou lá só para tirar foto. Não faça isso.

Você é quem sabe o que vai fazer em Londres! Londres tem muuuuitas atrações, e você não deveria perder tempo fazendo algum roteiro apenas para cumprir obrigação. Aliás, mesmo para quem não quer pisar em nenhum museu ou igreja, não vai faltar o que fazer.

Você pode escolher se hospedar em East London e curtir apenas os grafites de rua, o mercado e os restaurantes de Brick Lane, a cena artística local, as festas da região e nem se aventurar em Westminster. É uma escolha válida – acredite!

Você pode seguir exatamente o nosso Roteiro do Mapa de Londres e conhecer o que a gente considera essencial em uma viagem para a cidade, com todas as minúcias reais, as igrejas, os museus, os pubs históricos – também é válido.

Wembley. Foto: Juli Haas, Mapa de Londres
Wembley. Foto: Juli Haas, Mapa de Londres

Você pode escolher dois jogos de futebol de algum time londrino e lutar muito por um ingresso, depois ir para Manchester fazer um tour pelo Old Trafford e um dia depois se tocar para visitar os primeiros passos dos Beatles em Liverpool.

Você pode se programar para curtir os shows da cidade, viajar para Derby para o fim de semana do festival de rock Download, desbravar palcos de riffs pesados de Camden.

Você pode visitar Londres de olho em sua arquitetura, de olho em sua história, de olho em suas tradições, de olho em seu futuro, de olho em seu sistema político.

Enfim, acho que deu para entender: você realmente faz a sua Londres. E a gente convida você para começar a construí-la agora. Bem-vindo ao Mapa de Londres 🙂

Gostou das dicas sobre o que fazer em Londres? Então curta, compartilhe e comente!

Dois links importantes

Guia de atrações

Guia do transporte

Dúvidas comuns

O que é a promoção 2 por 1?

Quanto dinheiro vou gastar?

Tem sugestões e dicas de hotéis?

Que transporte devo usar partindo do aeroporto?

E como planejo meus percursos com o transporte público?

Nosso e-book com 7 dias de atrações em Londres:

pequeno-cta-roteiro-do-mapa-de-londres