O que foi o Palácio de Cristal em Londres

O que foi o Palácio de Cristal em Londres

0

O que te vem à mente com o nome Palácio de Cristal? Hoje nós vamos falar de uma construção majestosa de ferro fundido e vidro que leva exatamente esse nome.

Infelizmente ela já não existe mais, pois foi feita especificamente para abrigar um evento: A Exposição Universal de 1851, em Londres,  e muitos anos depois foi destruída por um grande incêndio.

Sua construção e aspecto eram tão impressionantes, que até hoje o Palácio de Cristal é conhecido como uma das maiores construções da arquitetura industrial.

Exposição Universal, Palácio de Cristal em Londres, uma das maiores construções da história da arquitetura e um grande time da Premier League… Ficou curioso com esses aspectos? Então continue lendo para conferir a história completa.

O que foi o Palácio de Cristal

O Palácio de Cristal (Crystal Palace) é um nome bem sugestivo e bonito. A alcunha foi usada para designar uma grande e suntuosa construção em ferro fundido e vidro erguida bem no meio do Hyde Park, na cidade de Londres.

O objetivo era ser sede da Grande Exposição de 1851, ou Exposição Universal, como também é conhecido o evento. Ao término da exposição a grande construção foi realocada para um outro parque localizado em Sydenham Hilluma região rica e bem desenvolvida de Londres muito em voga em toda a Era Vitoriana.

A construção chegou a ser ampliada mais ainda depois de reconstruída em Sydenham Hill e por décadas a fio foi uma grande atração da capital inglesa. Em 1936, um grande incêndio consumiu a edificação, que não chegou a ser reconstruída e hoje vive apenas na memória da cidade.

Essa região na qual o palácio se localizava de 1854 até 1936 é conhecida hoje em dia exatamente como Crystal Palace. É muito procurada por visitantes pois é onde se encontram alguns dos pontos mais altos da cidade, ótimos para belas vistas do horizonte londrino no fim da tarde.

Se no começo do texto você achou que estávamos nos referindo ao time de futebol Crystal Palace, bem, você não estava de todo errado. A famosa equipe da Premier League recebeu o nome exatamente por conta do famoso palácio. Aliás, a fundação do time foi feita no Palácio de Cristal, em 1905.

Arquitetura do Palácio de Cristal

O grande pavilhão que recebeu a exposição de 1851 foi desenhado por Joseph Paxton. Para você ter uma ideia espacial de como era o edifício, eram 564 metros de comprimento com um pé direito que chegava a 33 metros. Algo como um prédio de 10 andares mais ou menos, todo feito em ferro fundido e vidro. Tudo isso em uma época ainda distante dos primeiros arranha-céus (o primeiro foi construído em Chicago em 1885).

Paxton pensou o edifício a partir de um sistema construtivo de estufas, construções nas quais já era um exímio projetista. A estrutura demorou cerca de dez meses para ser concluída. Os principais materiais usados na construção foram o ferro, madeira e vidro, tudo pré-fabricado e apenas montado localmente.

A ideia era que fosse uma estrutura modular e funcional e que ao mesmo tempo tivesse um aspecto e aparência que representasse o avanço tecnológico e industrial que a Exposição Universal simbolizava.

Se você fez uma leitura atenta da introdução do texto, talvez tenha ficado com uma pulga atrás da orelha em relação a um detalhe. Como é que uma construção desse tamanho simplesmente foi transladada de um lugar para outro (de Hyde Park para a atual região de Crystal Palace no sul de Londres) ?

Isso se deve exatamente ao caráter modular e funcional da construção. Ser modular significa que ela foi baseada em blocos construtivos menores, o que facilita tanto o processo de construção como a possibilidade de desmonte posterior.

O fato de ser toda feita em peças de vidro e ferro pré-fabricadas e montadas no local também foi pensado para que facilitasse a sua desmontagem ao fim da exposição original em 1851. A possibilidade de ser desmontada e reconstruída em outro local foi um requisito para a escolha de Paxton como projetista.

Curiosidades do Palácio de Cristal em Londres

Palácio de Cristal em Londres
Palácio de Cristal foi construído para sediar uma grande feira em Londres. Foto: Domínio Público

É claro que uma construção com tanta história possui alguns fatos curiosos. Vamos começar pelo arquiteto francês que participou do concurso para a construção do pavilhão da Exposição Universal, que ganhou, mas não levou….

E o arquiteto escolhido é…

Originalmente, o concurso para o edifício principal Exposição Universal foi vencido pelo francês Hector Horeau. Só que alguns detalhes o impediram de ser eleito para o projeto. O Comitê da Exposição queria uma construção moderna, mas que fosse rápida, fácil e relativamente  barata de ser erguida. Além, é claro, de que pudesse ser desmontada e reconstruída posteriormente em uma nova localidade.

O projeto de Horeau não atendia a esses requisitos(como ele ganhou se não atendia aos requisitos é uma ótima pergunta). Assim, o concurso foi reaberto e desta segunda vez quem levou foi Joseph Paxton.

A exposição universal

Exposição Mundial, Exposição Internacional, Exposição Universal, foram alguns dos nomes usados para designar grandes exposições públicas que foram feitas em vários países do mundo.

A primeira dessas exposições foi exatamente a que ocupou o Palácio de Cristal em Londres, em 1851. O título oficial era: “Grande Exposição dos Trabalhos da Indústria de Todas as Nações“. Chique, né?

Consta que mais de 14 mil expositores de todo o mundo participaram da feira, apresentando novas tecnologias, produtos e processos que então emergiam com a segunda Revolução industrial no século 19.

Atrações em Crystal Palace

O Palácio de Cristal original não está mais lá, mas uma série de passeios e visitas legais estão na região de Crystal Palace e merecem a sua atenção quando você viajar para Londres. As dicas principais são:

  • Crystal Palace Park, um belíssimo parque público em Londres
  • Westow Park, um parque pequeno, mas que abriga todos os anos o Crystal Palace Overground festival
  • National Sports Centre, um dos centros esportivos mais importantes de Londres
  • Haynes Lane Market, um mercado de antiguidades e produtos vintage bem conhecido dos londrinos, mas nem tanto dos turistas
  • Crystal Palace Food Market, realizado todos os sábados por agricultores orgânicos e ótimo para apreciar a comida local
  • Estação Crystal Palace, a antiga estação de metro da Era Vitoriana é uma atração por si só. Além de tudo, o metrô de londres é um provável meio de transporte para você chegar lá.

E assim chegamos ao fim! Você sabia que um Palácio de Cristal de verdade havia sido erguido e existido por tantos anos em Londres? A memória da construção é viva até hoje e os blogs e sites de arquitetura estão cheios de referências à antiga sede da Exposição Universal de 1851.

Então, quando viajar para Londres, aproveite nossas dicas de passeios em Crystal Palace.

Nosso e-book com 7 dias de atrações em Londres:

pequeno-cta-roteiro-do-mapa-de-londres

Deixe seu comentário

Sem comentários