Metropolitan Police ou Scotland Yard?

1
351
Compre agora!

A Metropolitan Police é mais conhecida como Scotland Yard, até por suas menções em obras de Conan Doyle e Agatha Christie. É a maior força policial de Londres, com mais de 35 mil funcionários, e a mais antiga do mundo ainda em atividade, com atuação desde 1829.

Ela atua não apenas na parte central da cidade, mais turística, mas em toda a Greater London. A milha quadrada da City of London, centro financeiro e histórico da capital britânica, porém, não se encontra na jurisdição da MET, e sim da City of London Police. Por fim, os trens do metrô e do National Rail ficam por conta da British Transporte Police.

O apelido Scotland Yard

A Metropolitan Police é que ganhou fama por cuidar dos cidadãos londrinos, especialmente pelas referências na literatura e no cinema. Sir Arthur Conan Doyle, por exemplo, imortalizou-a na figura do agente Lestrad, que recorria a Sherlock Holmes nos crimes mais complexos confrontados pela polícia. Filmes de detetives e espiões, como James Bond, também apresentam personagens da polícia londrina.

O nome pelo qual a Metropolitan Police ficou conhecida ainda causa alguma confusão. O leitor incauto (e preguiçoso) pode imaginar que, quando alguém diz “Scotland Yard”, refere-se a uma polícia escocesa. Mas não, bem longe disso: o nome advém da rua onde se localizava a entrada da MET para os civis no primeiro prédio utilizado como quartel-general, em 1829.

Atualmente, a sede situa-se na New Scotland Yard. Confira no mapa.

Scotland Yard não usa armas de fogo

Além do apelido, a Metropolitan Police possui outra característica curiosa. Em uma cidade como Londres, de 8 milhões de habitantes, uma ínfima parte da polícia utiliza armas de fogo.

Isso não quer dizer, no entanto, que os agentes perambulem desprotegidos pela capital britânica. Aqueles que não podem se valer de armas de fogo podem: 1) Pedir reforço a um grupo autorizado que chega rapidamente portando as maiores e mais modernas pistolas, metralhadoras e todo o aparato necessário; 2) Usar sprays de pimenta; 3) Brandir o cassetete; 4) Disseminar gás CS; 5) Partir para o Taser, uma arma de choque.

Casos como o da morte do brasileiro Jean Charles de Menezes, assassinado injustamente após perseguição pela Metropolitan Police, e da dificuldade em controlar a Revolta civil de 2011, quando milhares de britânicos saíram as ruas quebrando tudo, não são frequentes.

A Scotland Yard se configura como uma das mais confiáveis forças policiais do mundo. Um dos motivos para isso é o uso de câmeras de vigilância, que se espalham por toda a cidade. Elas ajudam a controlar toda a movimentação, flagrar delitos e até a antecipar a ação de bandidos. Por todos os lados, há policiais à paisana esperando o momento certo de atacar meliantes e levar criminosos para a cadeia.

Por isso, ande na linha. E sorria: você está em Londres.

Leia também:

London Dungeon

Jack, o Estripador

Sherlock Holmes

Compre agora!

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Publique seu Comentário
Entre com seu nome aqui