Estações de metrô também são pontos turísticos

Estações de metrô também são pontos turísticos

O English Heritage é um conselho que protege e promove a herança cultural inglesa. A organização se responsabiliza por garantir que o passado seja estudado, entendido, resgatado e resguardado. Entre suas ações, está a classificação de prédios históricos. Assim, as construções mais importantes da Inglaterra só podem ser restauradas, destruídas ou remodeladas de acordo com suas origens, sempre sob a supervisão rígida do English Heritage.

Em julho deste ano, a organização incluiu 16 estações de metrô de Londres entre os prédios protegidos pelo patrimônio cultural. Entre elas, Oxford Circus, Covent Garden e Russel Square, todas em estilo eduardiano barroco, ganharam status de grau 2 em importância históric e arquitetônica. Com as últimas inclusões, o número de estações de metrô protegidas pelo English Heritage chegou a 72.

Estação de Covent Garden. Veja mais fotos no site da BBC

–  Milhões de pessoas passam pelo metrô de Londres todo dia dando pouco valor ao design histórico e a detalhes arquitetônicos que estão bem debaixo de seu nariz enquanto elas correm para pegar o trem – assinalou o ministro da cultura, John Penrose. – As estações de metrô são ótimos exemplos do patrimônio escondido da capital.

Estações incluídas no patrimônio cultural:

Aldwych, Belsize Park, Brent Cross, Caledonian Road, Chalk Farm, Chesham, Covent Garden, Hendon Central, Oxford Circus – originally two separate stations, Perivale, Redbridge, Russell Square, St John’s Wood, West Acton, and Wood Green. Arnos Grove, Oakwood, and Sudbury Town foram elevadas de grau 2 para grau 2*.

Leia também:

Saiba como pegar metrô em Londres

O metrô é mal-assombrado?

Mapa do metrô de Londres

Nosso e-book com 7 dias de atrações em Londres:

pequeno-cta-roteiro-do-mapa-de-londres