O que é cerveja Pale Ale?

0
12
Descubra!

Você sabe o que é uma cerveja Pale Ale, o que a classifica dessa forma e quais são os seus ‘subgêneros’? Vamos falar sobre tudo isso aqui.

Existem muitas formas de classificar as cervejas, o que garante uma alta quantidade de ‘modelos’ e ‘estilos’ para elas.

Por exemplo, elas podem ser classificadas pela sua cor, pelo seu teor alcoólico e o tipo de fermentação.

As cervejas do tipo Ale, são feitas utilizando alta fermentação, também conhecida como fermentação a quente.

Essa alta fermentação era muito utilizada até meados do século 19, quando não existia sistema de refrigeração que pudessem controlar temperaturas baixas por períodos mais longos.

A alta fermentação, ocorre em temperaturas ambientes mais altas, que normalmente variam entre 15 e 24 graus.

Esse tipo de fermentação ocorre de forma rápida, o que garante a cerveja um aspecto mais encorpado e sabores mais frutados.

Já o termo ‘Pale’ da cerveja Pale Ale se deve ao malte claro que é utilizado na produção desse tipo de cerveja. Esse malte garante uma cor mais clara / dourada da cerveja.

Tipos de cerveja Pale Ale

Dentro do universo das Pale Ale, existem muitos gêneros de cerveja, que variam de textura, cor, grau alcoólico e sabor.

Abaixo segue uma lista de algumas dessas cervejas:

  1. American Pale Ale;
  2. English Pale Ale;
  3. India Pale Ale;
  4. Belgian Pale Ale.

Abaixo explicaremos cada uma delas.

1. American Pale Ale

Cerveja Pale Ale
foto: br.freepik.com

Essa é a cerveja Pale Ale mais conhecida e difundida entre todas. Foi criada nos Estados Unidos por volta de 1980, por isso o seu nome ‘American’. Também conhecida apenas pela sigla APA.

Ela costuma ser confundida com a ‘India Pale Ale’ por uma pessoa menos conhecedora de cervejas, mas ela possuem características bem distintas entre elas, incluindo o tipo de lúpulo que é usado.

Esse tipo de cerveja costuma ter um sabor um pouco mais amargo devido a uma presença maior de lúpulo em sua composição e também costuma chegar aos 5% de tero alcoólico.

Sua cor comumente é dourada, mas pode chegar ao marrom escuro, dependendo do tipo de lúpulo e malte utilizados.

É um dos tipos de cerveja mais fáceis de fazer e por ter um sabor agradável é utilizada, muitas vezes, até mesmo por produtores de artesanais.

Seu aroma pode ser desde o mais forte até o mais suave, dependendo do lúpulo utilizado. Algumas apresentam sabores frutados / tropicais.

A principal diferença dessa cerveja é que ela utiliza apenas lúpulo americano, que costuma ser mais forte que outros lúpulos e também deixar um gosto cítrico no final.

2. English Pale Ale

Cerveja Pale Ale
foto: br.freepik.com

Esse estilo de cerveja foi desenvolvido na ‘Terra da Rainha’ e também recebe o nome de Bitter (amargo, em inglês). A sigla para essa cerveja é EPA.

Como toda Pale Ale, ele é feito por maltes claros e tem amargor médio. O aroma e gosto do malte pode ser sentido nessa cerveja.

Sua cor varia entre o dourado e o cobre e tem baixo ‘teor’ de espuma.

Essa cerveja pode variar no seu teor alcoólico de 3% até 7%. Outra característica é que ela possui em seu aroma e gosto o sabor ‘amargo’ do lúpulo.

Essa cerveja é a precursora de todas as cervejas desse estilo. Foi desenvolvida por volta de 1714 na Inglaterra. Seu processo só foi possível depois que a tecnologia da época evoluiu a ponto do malte ser secado de forma igual.

3. India Pale Ale

A India Pale Ale é uma ‘variação’ da English Pale Ale e surgiu quando os ingleses começaram a colonizar a India. Sua sigla é IPA.

Isso aconteceu, não por vontade própria dos ingleses, mas sim por necessidade.

Acontece que como as viagens de navio levavam muito tempo entre a Inglaterra e a India, a cerveja grande parte das vezes já chegava estragada em terras indianas.

Para contornar essa situação, os ingleses resolveram adicionar mais lúpulo as suas cervejas. Isso fazia que a cerveja demora-se mais tempo para estragar. Assim surgiu a India Pale Ale.

Porém, ela só foi resgatada para os dias atuais por volta de 1980, que foi quando os americanos criaram a American Pale Ale e os refrigeradores foram inventados.

Possuí um teor alcoólico que varia de 5,5% até 7,5% e tem uma cor semelhante a ‘American’, variando entre o âmbar e o acobreado.

Ela não possui o sabor cítrico das ‘American’ e também não tem o final adocicado das mesmas. Por fim, ela possui um amargor mais acentuado, devido a sua maior concentração de lúpulo.

4. Belgian Pale Ale

A última cerveja Pale Ale da lista é uma cerveja belga que surgiu próximo aos anos de 1700.

Ela tem um amargor menos forte que outras cervejas belgas e é de cor acobreada. Sua sigla é BPA.

Seu gosto lembra um pouco um biscoito tostado suavemente e com uma mistura de caramelo.

Seu amargor é semelhante à da cerveja inglesa descrita acima. Ela não é muito comercializada no Brasil.

Considerações finais

A cerveja Pale Ale são bem conhecidas do publico brasileiro, embora não sejam das mais comuns por não estarem no ‘cardápio’ das cervejarias brasileiras de larga escala que preferem a produção da cerveja estilo Larger.

Se você quer tentar iniciar uma cervejaria amadora em sua casa, mesmo que seja apenas para você e seus amigos beberem, recomenda-se começar a produção por esse tipo de cerveja, uma vez que ela é mais fácil de controlar devido a sua ampla capacidade de temperatura.

Se você mora em locais com temperatura média superior aos 24 graus, uma dica é utilizar uma geladeira para não deixar a temperatura muito elevada, o que pode comprometer a sua cerveja.

Mas veja bem, o objetivo da geladeira é só o de conservar um ambiente ideal para a produção de cerveja.

A utilização de um termômetro para conferir a temperatura interna da geladeira é muito importante. Como a temperatura é considerada alta para uma geladeira, ligar ela na potência mínima, pode ser a solução.

Mas isso só vale para locais quentes ou para as cervejas produzidas em épocas quentes, como o verão. Em locais ou condições diferentes disso, pode ser utilizado apenas a temperatura ambiente.

Descubra!

Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Publique seu Comentário
Entre com seu nome aqui