The Monument para o Grande Incêndio

The Monument para o Grande Incêndio

Foto: Divulgação

The Monument é uma coluna dórica erigida para lembrar o desastre do Grande Incêndio de Londres, de 1666, e celebrar a reconstrução completa da cidade. Situado na junção da Monument Street com a Street Hill, o monumento foi construído entre 1671 e 1677, com pedra Portland. A altura de 61 metros, contando a urna dourada no topo, equivale à distância, ao leste, da padaria onde o incêndio começou, em Pudding Lane.

Visitando o Monument

Horários: Diariamente, das 9h30 às 17h30 (últimada entrada às 17h)

Ingressos: Adulto: 4,50 libras / Criança (menor de 16): 2,30

Onde: na junção da Monument Street com a Street Hill

Encontre no mapa

Metrô: Monument (Circle e District Line) ou London Bridge (Northern e Jubilee Line)

Vista panorâmica atualizada minuto a minuto

Vale a pena a visita ao Monumento?

O visitante que chegar ao pé do Monumento e olhar para cima certamente se deparará com a indagação: “Será que vale a pena subir tudo isso de escada?”. A resposta: se você deseja apenas para tirar fotos e admirar Londres de cima, não vale a pena. Porque sua visão será esta:

E os 311 degraus serão assim:

Vale a pena, isto sim, pelo valor histórico da atração. E por apenas 3 libras.

Resumo da história do Grande Incêndio

Um ano depois da Grande Praga, o Grande Incêndio de Londres começou em 2 de setembro de 1666 e terminou três dias depois, em 5 de setembro. As chamas praticamente destruíram a City of London, berço de Londres e lar de 1/6 dos habitantes da cidade na época. Poucas mortes foram registradas, mas se acredita que muitas vidas consumidas pelo fogo não foram contabilizadas nos arquivos.

Leia mais sobre o Grande Incêndio

ConstruçãoO memorial foi desenhado pelo arquiteto Sir Christopher Wren, também responsável pela St. Paul’s Cathedral, e seu colega, Dr. Robert Hooke. Eles desenvolveram diversos esboços. O escolhido continha, no topo, uma urna da qual saíam chamas que simbolizavam o incêndio. Pouco abaixo, uma plataforma de visualização. Na base, uma escultura.

Pulos

Após seis suicídios, entre 1788 e 1842, o governo britânico decidiu suspender a visitação à plataforma e “fechá-la”, como uma jaula. Essa foi apenas uma das intervenções na construção. A última, em 2007, reformou completamente a coluna.

Leia também

O Grande Incêndio

A Grande Praga

História de Londres

Mais atrações na cidade

Nosso e-book com 7 dias de atrações em Londres:

pequeno-cta-roteiro-do-mapa-de-londres

Deixe seu comentário

16 comentários