Tour: Estádio de Wembley em Londres

Tour: Estádio de Wembley em Londres

6
Fotos: Juliana Haas

Com um tour pelo estádio de Wembley, em Londres, você pode conhecer por dentro esse templo do esporte, descobrir suas peculiaridades e ver de perto salas repletas de histórias do futebol. A casa oficial da seleção inglesa é o maior estádio do Reino Unido e o segundo da Europa (perdendo somente para o Camp Nou, do Barcelona). Detém vários recordes devido, obviamente, às suas proporções gigantescas. Um deles é um tanto peculiar: conta com o maior número de banheiros do mundo, 2.580.

Texto e fotos: Juli Haas, especial para o Mapa de Londres

Tour no Estádio de Wembley

Quando: Diariamente, das 10h às 16h, de hora em hora (fechado nos dias 25 e 26 de dezembro e 1 de janeiro)

Estação: Wembley Park (Jubilee Line e Metropolitan Line, zona 4)

Ingressos: 19 libras (adulto) e 11 libras (crianças de até 15 anos e idosos)

Duração: 75 minutos

Fotos: Permitidas durante todo o passeio, com exceção da taça. Nesse momento, um fotógrafo do próprio estádio tira as fotos dos visitantes ao lado dela.

Idioma: tours em inglês e guidebooks disponíveis em inglês, francês, espanhol e italiano, por 6 libras

Museu: O estádio não tem museu, mas abriga exposições temporárias, como sobre a história da Champions League.

Ingressos

Quer visitar o Wembley em grupo? Você pode conseguir um bom desconto. Basta enviar um e-mail para Mita Raichura, em mita.raichura@wembleystadium.com, com o título “Wembley Tour – VB/BRAZIL”

Passeio pelo Estádio de Wembley

O tour começa com o simpático guia Stevie fazendo as devidas apresentações e obviamente querendo saber de onde são os visitantes e para que time torcem. Ele se declara torcedor do Tottenham, apaixonado por futebol e, quando digo que sou brasileira, se revela muito fã de “Scolari” (nosso Felipão).

Histórias e detalhes de acontecimentos importantes permeiam toda a visita. No local onde nos reunimos para começar o tour, encontra-se exposta a trave do gol ilegítimo da Inglaterra na Copa do Mundo de 1966. Ali, acima das nossas cabeças, o objeto da controversa vitória da seleção inglesa em casa (em Wembley) contra a Alemanha Ocidental, seu primeiro e único título até hoje.

Na frente do estádio, a estátua de Bobby Moore é presença forte logo na entrada principal. O zagueiro disputou 190 jogos pela seleção inglesa e figura entre os maiores jogadores ingleses de todos os tempos. Ele estava lá na partida da famosa trave.

Entrando nas áreas restritas do estádio, começamos a ter noção do seu tamanho e da moderna estrutura. A sala de imprensa, com lugar para 196 jornalistas, já foi cenário para algumas das mais ferozes inquisições a técnicos. Para o visitante, a boa notícia é que dá para tirar fotos sentado à mesa da comissão técnica, como se ele estivesse em uma coletiva de imprensa.

Os vestiários, explica Stevie, são iguais para os dois times. Não há distinção, até porque Wembley é considerado um local neutro. No túnel para o campo, entrada de times com direito a capitães, música e gritos de incentivo. Chegando ao campo, aquela imensidão de cadeiras vermelhas e brancas arrepiam. O gramado perfeito (70% grama natural e 30% fibras naturais) é mantido aquecido por uma estufa suspensa.

Subindo as arquibancadas, cobertas por cadeiras estofadas em todo o estádio, seguimos até o Royal Box. Este é um espaço reservado para a realeza britânica. Nas únicas cadeiras azuis do estádio, sentam-se Príncipe William (presidente da FA), Príncipe Harry, Kate Middleton e demais membros de sangue azul. Lá de cima, a estrutura de aço do arco de Wembley impressiona.

IngressosCompre pelo VisitBritain

Galeria de fotos

História de Wembley

Inaugurado em 1923, o Wembley, originalmente chamado de Empire Stadium, sediou eventos importantes da história do esporte, como os Jogos Olímpicos de 1948. Em 2012,recebeu partidas de futebol das Olimpíadas. Serviu também como palco de finais da UEFA Champions League (Liga dos Campeões) ao longo dos anos – a última em 2011, quando o Barcelona saiu campeão. Em 2013, volta a hospedar a final, no dia 25 de maio.

O Estádio de Wembley original foi fechado no ano 2000, demolido e totalmente reconstruído. Em 2007, o novo estádio foi inaugurado. Um dos problemas do antigo estádio, por exemplo, eram os “pontos cegos”. O torcedor podia dar o azar de ficar atrás de uma das muitas colunas estruturais e ter a visão da partida um tanto prejudicada…

Mais sobre a história do Wembley

Motivos para visitar o estádio

– O Wembley é um dos estádios mais importantes na história do futebol. Só isso já deveria ser motivo de sobra!

– Os apaixonados pelo futebol inglês descobrirão muitas curiosidades no tour.

– O projeto do novo estádio é do arquiteto Norman Foster (que também projetou a Millennium Bridge, o Gherkin e muitos outros “cartões postais” da cidade). Aliás, para quem tem algum interesse por arquitetura, a visita também vale muito. Pode-se entender, por exemplo, as soluções acústicas utilizadas pelo arquiteto para fazer deste o lugar perfeito para grandes shows.

– No dia 6 de fevereiro, Brasil e Inglaterra jogam amistoso no estádio para comemorar os 150 anos da FA, a associação de futebol inglesa. Os ingressos estão esgotados, mas dá para matar a curiosidade e descobrir como são os bastidores fazendo o tour.

* Juli Haas participou do tour no dia 16 de janeiro de 2013, dia do aniversário de 150 anos da associação.

Leia também: Mais estádios de Londres

Nosso e-book com 7 dias de atrações em Londres:

pequeno-cta-roteiro-do-mapa-de-londres

Deixe seu comentário

6 comentários

  1. UMA DÚVIDA QUE TENHO, VISITEI, FIZ UM TOUR, E GOSTARIA DE SABER QUANTAS PESSOAS ACOMODAM NO RESTAURANTE EXISTENTE AI DENTRO?
    AGUARDO, OBRIGADO.