Conheça os times de Londres e da Inglaterra

Conheça os times de Londres e da Inglaterra

Na condição de capital da nação que inventou o esporte mais popular do mundo, Londres não deixa a desejar quando o assunto é futebol. E nem poderia: apaixonados pelo esporte, os ingleses mantêm a liga nacional mais rentável do planeta, e times de Londres e da Inglaterra conseguem explorar os potenciais turísticos do esporte bretão como ninguém.

Embora haja controvérsias quanto ao estilo de jogo inglês – mais tático e vigoroso quando comparado à irreverência que por vezes caracteriza o futebol latino-americano -, ninguém pode negar o sucesso comercial: a Premier League é referência mundial no assunto.

Origem do futebol em Londres

Muitos países reivindicam a honraria de serem reconhecidos como pátria-mãe do futebol. De fato, as origens do esporte são imprecisas, pois relatos do uso da bola em atividades recreativas remetem ao primeiro milênio.

Foi com times de Londres, contudo, que o esporte como hoje o conhecemos ganhou regras específicas e passou a ser difundido pelo mundo. O termo football foi cunhado pelo Rei Henrique IV em 1409, e os relatos das primeiras regras – que incluíam a presença de um árbitro – são atribuídos a Richard Mulcaster, já no ano de 1581.

A criação da Footbal Association em 1863 foi o ponto de partida para que o futebol fosse considerado um ícone nacional e passasse a ser oficialmente documentado. Nesse período também foi estabelecida a regra que proíbe o uso das mãos. Considerada a lei fundamental do esporte, a determinação gerou polêmica e não obteve consenso entre os envolvidos na conferência, provocando uma dissidência que daria origem ao rúgbi, esporte que até hoje é popular em países colonizados pelos ingleses.

Original_laws_of_the_game_1863
As regras originais do esporte. Foto: Adrian Roebuck. CC BY-SA 3.0

O torneio de futebol mais antigo do mundo é a Copa da Inglaterra, disputada pela primeira vez em 1871. No que diz respeito às seleções nacionais, o primeiro confronto ocorreu em 1872 e foi disputado pelos melhores jogadores da Inglaterra e da Escócia, terminando empatado em 0x0.

Os principais times de Londres

A capital inglesa abriga dezenas de clubes, de profissionais a amadores, com apoio local significativo em vários bairros de Londres. A fidelização da torcida é uma das características do futebol inglês: muito mais do que o desempenho, a colocação ou mesmo a divisão em que o clube se encontra, a paixão tem raízes locais – as instituições são muito identificadas com suas comunidades. Isso não impede, no entanto, que os times de Londres conquistem fãs em todo o mundo.

Os quatro times de Londres mais populares possuem torcedores espalhados por quase toda a capital: Arsenal, Chelsea, Tottenham e West Ham. Embora Fulham, Queens Park Rangers, Crystal Palace e Millwall também sejam representados por um número significativo de torcedores, o apoio fica restrito a bairros específicos. Atualmente, dos oito clubes mais populares, apenas o Fulham e o Millwall não estão na primeira divisão.

Ao todo, há mais de 60 clubes londrinos.

Os moradores da capital que não torcem para os times de Londres, preferindo a dupla mais vitoriosa do norte da Inglaterra (Liverpool e Manchester United), costumam sofrer uma espécie de rejeição por parte dos outros londrinos. Cunhou-se até uma expressão pejorativa para diferenciá-los: são conhecidos como glory hunters, ou caçadores de glórias, por darem mais valor aos títulos do que às raízes locais.

londres (1)
O mapa ilustra o predomínio de torcedores nos bairros londrinos.

Estádios são pontos turísticos em Londres

Verdadeiros monumentos ao esporte bretão, os estádios londrinos exploram o potencial turístico do futebol e costumam representar um excelente passeio para quem é apaixonado pelo jogo. Os três principais são:

Wembley

É o estádio da seleção inglesa de futebol. Normalmente, é o palco das partidas finais das competições nacionais. Em 2012, o estádio foi sede da final do futebol nos Jogos Olímpicos. O museu do estádio vale a visita: em seu acervo, há algumas relíquias esportivas, como a tocha das Olimpíadas de 1948 e a Taça da Copa do Mundo conquistada pela Inglaterra em 1966. Leia mais.

Wembley. Foto: Juli Haas, Mapa de Londres
Estádio de Wembley. Foto: Juli Haas, Mapa de Londres

Emirates Stadium

É a casa do Arsenal, um dos principais times da Inglaterra. Aqui, o passeio é recomendado até para quem não gosta do esporte, mas tem interesse em conhecer os bastidores de um dos santuários do futebol europeu. Nos tours, é possível realizar o mesmo percurso dos atletas em dias de jogo – do vestiário até o gramado, passando pelo túnel e depois visitando a sala de imprensa. Leia mais.

Emirates Stadium - Mapa de Londres
Emirates Stadium. Foto: Mapa de Londres

Stamford Bridge

É nesse estádio que o Chelsea, o único campeão europeu da cidade, manda seus jogos. Trata-se do mais central dos estádios de futebol de Londres. Rodeado por pubs, o local reúne a típica atmosfera do futebol inglês, com direito a muita cerveja. Leia mais.

Estádio Stamford Bridge - Chelsea - Mapa de Londres
Stamford Bridge. Foto: Mapa de Londres

Premier League reúne os grandes times da Inglaterra

Agora, se você pretende assistir a alguma partida da Premier League nos estádios dos melhores times da Inglaterra, provavelmente vai encontrar dificuldades para conseguir ingressos. Chelsea e Arsenal, os dois clubes mais populares da cidade, estão entre os quatro maiores da Inglaterra e fazem parte do seleto grupo de gigantes do futebol mundial. A popularidade é tanta e o modelo de negócio tão efetivo que os jogos mandados em Londres lotam com a presença quase exclusiva de sócios.

A alternativa é se debruçar sobre o sistema de compra de ingressos e se contentar com jogos de times menores. Mesmo assim, esteja atento: a taxa de ocupação dos estádios da Premier League é a mais alta do mundo, com quase 98%. A média de público só não é maior do que a da Bundesliga, a liga alemã, que conta com estádios maiores.

Gol de Beckham em 1996 foi eleito um dos mais bonitos da história da competição

No que diz respeito à rentabilidade, no entanto, a Premier League é imbatível. Os jogos dos times da Inglaterra são transmitidos em mais de duzentos países e concentram fãs em todos os continentes. Embora se diga atualmente que a liga espanhola é mais forte tecnicamente, isso se deve à polarização do campeonato entre os dois maiores clubes do país, o que é incentivado pela maneira desigual de distribuição dos direitos televisivos.

Na Inglaterra, o foco está no fortalecimento da liga e no equilíbrio entre os clubes, a fim de estimular a competição. Assim, 70% do valor total do contrato é dividido em partes iguais entre os 20 participantes, 15% pela classificação na última temporada e 15% pela audiência alcançada nos jogos transmitidos. É um método muito mais justo do que o praticado no Brasil, por exemplo.

O princípio é o mesmo que rege os três torneios esportivos mais rentáveis do mundo, disputados nos EUA: NBB, NFL e NBA. Além disso, há mecanismos financeiros para garantir a sobrevivência dos clubes e evitar que a influência de milionários – caso do Chelsea e do Manchester City – leve as instituições à falência.

Leia também

Estádios de Londres

Como comprar ingressos

Guia de atrações em Londres

Nosso e-book com 7 dias de atrações em Londres:

pequeno-cta-roteiro-do-mapa-de-londres

Deixe seu comentário

1 comentário