Músicas para aprender inglês: 5 dicas para soltar a voz com sotaque

Músicas para aprender inglês: 5 dicas para soltar a voz com sotaque

6

Você concorda que cantar é uma forma de extravasar emoções e aliviar o estresse? Pois saiba que os benefícios de soltar a voz vão além do bem-estar. Se você adora viajar e quer aprender um novo idioma, vale ficar por dentro das melhores músicas para aprender inglês.

Vamos combinar: ninguém precisa incorporar a Adele para aprender inglês cantando. A dica é acompanhar as letras das canções como puder. Isso vai ajudar você a memorizar palavras, melhorar sua pronúncia e ampliar o seu vocabulário.

5 dicas de músicas para aprender inglês

Alguns dos benefícios de cantar foram descobertos justamente em Londres. Uma pesquisa do Departamento de Psicologia Experimental da Universidade de Oxford constatou, em 2012, que a prática ajuda a estimular a produção de endorfina, aquele hormônio ligado à sensação de bem-estar.

Então, que tal unir o útil ao agradável? Aproveite para apreciar músicas para aprender inglês e ainda relaxar com as canções no seu dia a dia. Confira, a seguir, cinco dicas de melodias do pop rock fáceis de acompanhar:

  1. Imagine – John Lennon

Além de linda, esta música é ótima para se familiarizar com a Língua Inglesa. Ela é lenta, fácil de acompanhar e possibilita uma boa compreensão das palavras. Diferente de um rap, por exemplo, em que há muitas gírias rápidas.

  1. With or Without You – U2

Esta é outra canção boa para trabalhar sua pronúncia, já que as estrofes se repetem. Uma vantagem é que a composição não é muito barulhenta. Assim, fica mais fácil entender os vocábulos, pois a parte instrumental não mascara o vocalista.

  1. The Scientist – Coldplay

Acompanhar as canções desta banda pode ser uma alternativa para se familiarizar com o sotaque britânico. Prefira começar com as melodias lentas, que são mais fáceis de compreender.

  1. Tears in Heaven – Eric Clapton

Outra melodia prazerosa e simples. As palavras são pronunciadas com clareza, o que é ótimo para decifrar a letra. Certamente não está à toa na nossa lista das principais músicas para aprender inglês.

  1. Come As You Are – Nirvana

Sem muitas gírias e vocábulos estranhos, a letra da música é de fácil compreensão. Sem falar que ela é um clássico para os fãs do bom e velho rock’n’roll.

Leia também: Apelidos carinhosos em inglês

Dá para aprender inglês com música?

Estudar gramática, tempos verbais e pronomes é importante na hora de aprender um outro idioma. Mas isso não significa que seja impossível adquirir conhecimentos por conta própria.

Para aprender inglês com músicas, uma sugestão é ouvir as letras e prestar bastante atenção em cada palavra. Nesse meio tempo, procure anotar os vocábulos que você entendeu. Se necessário, vale escutar a canção mais de uma vez. Só depois procure checar a tradução e verificar se a ortografia está correta.

Na prática, ouvir e memorizar a nossa lista de músicas para aprender inglês não vai ser suficiente para o domínio do idioma. Nem perto disso. A música não pode ser a sua única plataforma de aprendizado. Mas ela é uma ferramenta poderosa nessa jornada de descobrimento da língua inglesa.

Além dela, você pode recorrer a outros tipos de entretenimento, como seriados, filmes, propagandas e textos. Você pode até duvidar, mas a internet dispõe de todos os meios para que você aprenda inglês mesmo sem contar com um professor. Só que não vai ser fácil.

Diferenças entre inglês americano e britânico

Se você é apaixonado por Londres como nós, certamente já sabe que há distinções bem pontuais na forma como o inglês é falado nos Estados Unidos e na Inglaterra. Elas aparecem tanto no vocabulário quanto na ortografia, na gramática e, claro, na pronúncia.

Ao ouvir bandas americanas e britânicas, você vai perceber melhor essa diferença. Procure observar como no inglês britânico (o da Inglaterra, na verdade, mas chamar de “inglês inglês” não funciona), a letra “a” em palavras como “fasté pronunciada na parte de trás da boca, enquanto no americano ela é formada na parte da frente.

Outro exemplo pontual é o da consoante “r”. No inglês britânico, ela só é pronunciada se aparecer antes de uma vogal, como em “bedroom”. Em qualquer outro caso, ela é dita de forma silenciosa, como um “ah”. Fique atento a esses detalhes para aperfeiçoar o seu inglês.

Neste vídeo, dois amigos, um americano e uma inglesa, comparam sotaques:

Viu a diferença? É bom lembrar, claro, que a garota do vídeo tem um sotaque ótimo para o exemplo, já que não possui a pronúncia carregada de regionalismo. Mas mesmo um londrino pode não falar esse inglês clássico. No leste da cidade, por exemplo, o jeito de falar é bem diferente.

E aí, preferiu o inglês britânico ou o americano?

Estude inglês em Londres

Se a resposta for “inglês britânico”, que tal aprender inglês em Londres, a capital da Inglaterra e do Reino Unido? Para quem sonha em estudar no exterior, essa é uma opção interessante, especialmente agora com a libra em um nível mais aceitável.

London Eye - Foto: Vincent Travi, Mapa de Londres
Em Londres, a sensação é de que o mundo todo está ao seu alcance. Foto: Mapa de Londres

A cidade reúne todas as atrações culturais que você pode imaginar, tem estudantes de todas as nacionalidades do mundo, fica a horas de distância de outros destinos bacanas na Europa, conta com dezenas de escolas de inglês reconhecidas internacionalmente e é a capital desse sotaque charmoso da garota do vídeo.

Ficou interessado?

Passo a passo: como planejar o intercâmbio em Londres

E aí, curtiu as músicas para aprender inglês, a ideia de estudar em Londres e entendeu algumas das diferenças entre os sotaques? Deixe um comentário!

Nosso e-book com 7 dias de atrações em Londres:

pequeno-cta-roteiro-do-mapa-de-londres

Deixe seu comentário

6 comentários

  1. Olá!
    Muito interesse em fazer intercambio sim, porem ainda nao tenho condicoes financeiras infelizmente. Quem sabe um dia..

  2. Muito boas as músicas sugeridas para aprender inglês,em especial,das bandas U2 e Coldplay.Realmente eles conseguem juntar, em suas canções,ótimas letras e melodias fantásticas,perfeitas para o aprendizado do idioma.