Viagem no tempo: 6 grandes invenções que mudaram o mundo

Viagem no tempo: 6 grandes invenções que mudaram o mundo

0

O Reino Unido deu origem a algumas das mais importantes revoluções da ciência. Muitas das grandes invenções que mudaram o mundo são resultado do trabalho de cientistas, matemáticos e pesquisadores britânicos.

Na charmosa Cambridge, diz a lenda que uma maçã caiu sobre a cabeça do físico Isaac Newton. O fato teria inspirado o início da teoria gravitacional, cujas primeiras leis foram descritas em 1687.

Quer embarcar conosco em uma viagem no tempo? A seguir, vamos apresentar algumas das grandes invenções que mudaram o mundo diretamente do Reino Unido.

6 grandes invenções da Inglaterra

Eles mudaram o curso da humanidade. Contribuíram para transformar sociedades. Tornaram nossa vida mais fácil. Conheça, a seguir, alguns dos gênios britânicos que merecem ser lembrados por sua ousadia e inventividade, junto de suas maiores descobertas e criações.

1. Teoria da Evolução

Esta não é uma invenção prática, mas científica e intelectual. Imagine, em um contexto no qual a Igreja é uma instituição dominante, alguém ter a ousadia de sugerir que os seres humanos são animais como quaisquer outros. E ainda derrubar a teoria de que o mundo foi criado por um ser divino. Foi o que fez o inglês Charles Darwin (1809-1882).

Após uma expedição de cinco anos à bordo do navio HMS Beagle, com o intuito de catalogar plantas e animais, somada a décadas de novas pesquisas, Darwin formulou sua teoria do evolucionismo. A tese foi apresentada na obra A Origem das Espécies. Na época, louco. Atualmente, considerado um dos cientistas mais importantes da humanidade.

2. Metrô

Hoje eles estão espalhados pelo mundo e são considerados um dos principais e mais eficazes meios de transporte público. Mas você sabia que o metrô é criação de Londres? Charles Pearson (1793-1862) foi quem, no século 19, trabalhou na criação do primeiro trem subterrâneo. E o motivo foi simples: pura necessidade.

Como as ruas de Londres estavam muito cheias de carroças e carruagens, a opção foi viabilizar uma forma de locomoção no subsolo. A Metropolian Line tornou-se, em 1863, a primeira linha de metrô oficial do mundo inteiro.

3. Telefone

Fascinado pelos mecanismos de  transmissão de voz, talvez inspirado pelo pai – um locutor de rádio -,  o escocês Alexander Graham Bell (1847-1922) é considerado o inventor do telefone. Ele registrou sua criação nos Estados Unidos, em 1876.

É interessante lembrar, porém, que houve uma guerra de patentes pela criação do aparelho. No mesmo dia em que o pesquisador britânico oficializou seu invento, o estadunidense Elisha Gray registrou outro muito semelhante.

De qualquer forma, não há dúvidas de que Bell foi um cientista revolucionador. Ele também fundou uma escola para crianças surdas, que veio a se tornar a hoje prestigiada Universidade de Boston, nos Estados Unidos.

4. Televisão  

Com uma imagem dividida em 30 linhas, atualizadas cerca de cinco vezes a cada segundo, surgia em 1924 o primeiro protótipo de televisão. Se hoje reunir a família na sala para assistir novelas ou filmes é um costume na sua casa, isso é possível graças à genialidade do engenheiro escocês John Logie Baird (1888–1946).

A primeira demonstração de um aparelho televisor ocorreu na Royal Institution de Londres, no ano de 1926. Apenas dois anos depois, Baird já apresentava um modelo capaz de reproduzir imagens coloridas.

5. Programação e computador

A Era da Informação nasceu em Londres. O matemático britânico Alan Turing (1912-1954) é considerado até hoje o precursor da informação e da inteligência artificial. Foi ele quem criou os primeiros protótipos de computadores inteligentes.

Uma de suas contribuições mais significativas foi uma máquina capaz de criptografar mensagens nazistas, um aparto essencial para o triunfo dos Aliados na II Guerra. Um pouco antes, ainda em 1820, o cientista britânico Charles Babbage (1791–1871) também já estruturava um protótipo de computador programável.

6. The World Wide Web

Nada mais natural que, depois da invenção do computador, outra revolução global relacionada à informática tenha começado no Reino Unido. Estamos falando da World Wide Web.

Foi o cientista da computação e físico britânico Tim Berners-Lee, hoje aos 61 anos, que em 1989 propôs pela primeira vez o conceito de uma rede interligada por sistemas de links e textos. Em 1990, foi implementada com êxito a comunicação bem-sucedida entre um cliente HTTP e um servidor por meio da internet.

World Wide Web
Tim Berners-Lee é o criador da WWW. Foto: iStock, Getty Images

Ciência britânica na história

Se você está fascinado depois de conhecer essas invenções, saiba que isso é só uma pequena parte das grandes revoluções intelectuais e precursoras das tecnologias atuais oriundas do Reino Unido. Você sabia que os antibióticos e a primeira locomotiva a vapor também têm suas origens por aqui?

O bacteriologista escocês Alexander Fleming (1881-1955), em 1928, foi quem descobriu uma forma de coibir o crescimento de bactérias e idealizou a Penicilina. Sua invenção passou a ser produzida em grande escala a partir de 1940, salvou mais de 200 milhões de vidas e, em 1945, lhe rendeu o Prêmio Nobel.

Já a  primeira locomotiva a vapor do mundo inteiro foi construída pelo engenheiro inglês Richard Trevithick (1771–1833), em 1804, no País de Gales. A máquina transformou a história do transporte terrestre. Viu só como a Europa Ocidental foi povoada por gênios ao longo dos séculos?

E ainda nem mencionamos um dos mais consagrados cientistas da atualidade: Stephen Hawking, hoje aos 74 anos. Nascido em Oxford, ele se tornou mundialmente famoso pelas pesquisas na área de cosmologia teórica e gravidade quântica.

Hawking foi o fundador do Centro de Cosmologia Teórica (CTC) da Universidade de Cambridge e é hoje diretor de pesquisa do Departamento de Matemática Aplicada e Física Teórica (DAMTP) da universidade. Suas principais obras são Uma Breve História do Tempo,  O Universo numa Casca de Noz e Uma Nova História do Tempo.

E aí gostou de conhecer a origem de algumas das grandes invenções que mudaram o mundo? Comente.

Leia também

Bandas inglesas do passado que você precisa conhecer hoje

Nosso e-book com 7 dias de atrações em Londres:

pequeno-cta-roteiro-do-mapa-de-londres

Deixe seu comentário

Sem comentários