Crimes de Londres à mostra

Crimes de Londres à mostra

2
From Hell - Mapa de Londres
Carta atribuída a Jack, The Ripper

A coleção macabra de um museu fechado da Scotland Yard deve ganhar exposição em breve, segundo o jornal Independent. Mais de 20 mil objetos que fazem parte da história de assassinatos da cidade, como a carta From Hell, atribuída ao serial killer Jack, o Estripador, poderão ser vistos em uma mostra especial no Museu de Londres. Itens como esse estão guardados no Crime Museum (antes chamado de “Black Museum”), vedado ao público e escondido na sede da força policial mais antiga do mundo ainda em atividade.

Os objetos que hoje compõem a coleção do museu começaram a ser coletados em 1874, a partir de uma lei que permitia à Metropolitan Police guardar itens das investigações e de prisioneiros que pudessem ajudar a estudar e compreender a a criminalidade e os criminosos. Até hoje, apenas policiais e convidados especiais puderam entrar no local.

O museu é dividido em duas salas principais. A primeira conta com uma grande coleção de armas, todas utilizadas em assassinatos ou ataques violentos em Londres, e objetos relacionados a casos famosos, como o do Jack, o Estripador.

Uma das partes mais assustadoras é a exposição das máscaras mortuárias de prisioneiros enforcados na Newgate Prison, que ficam em uma prateleira olhando de cima os visitantes.

A segunda sala é dividida em diferentes seções:

– Assassinatos famosos

– Envenenadores famosos

– Assassinatos de policiais

– Realeza

– Assaltos a banco

– Espionagem

– Emboscadas

– Sequestros.

Sharon Ament, do Museu de Londres, disse ao Independent que a história da polícia de Londres era um “tópico fascinante” e que certamente atrairia visitantes de todo o mundo.

Jack, o Estripador

A carta From Hell, encontrada em uma caixa que continha um rim e atribuída ao assassino Jack, The Ripper, é um dos objetos que fazem parte da coleção. Esse não foi o primeiro caso de serial killer da história, mas certamente se tornou o mais conhecido. Muitos dos elementos dessa história, como a falta de resultados da investigação sobre sua identidade (e até sobre a quantidade de crimes cometidos), são fascinantes até hoje. Saiba mais sobre  Jack, o Estripador. Em Londres, você pode até fazer um tour passando pelos principais locais relacionados aos crimes.

Donald Rumbelow, a maior autoridade no assunto
Tour passa por locais relacionados aos crimes de Jack. Foto: Mapa de Londres

A Metropolitan Police

Criada em 1829, a Metropolitan Police, mais conhecida como Scotland Yard (devido ao seu endereço inicial), é a maior força policial de Londres, com mais de 35 mil funcionários, e a mais antiga força policial do mundo ainda em atividade.

A Metropolitan Police ganhou fama a partir das referências na literatura e no cinema. Sir Arthur Conan Doyle, por exemplo, imortalizou-a na figura do agente Lestrad, que recorria a Sherlock Holmes nos crimes mais complexos confrontados pela polícia. Filmes de detetives e espiões, como James Bond, também apresentam personagens da polícia londrina.

Atualmente, a MET é reconhecida não apenas pelo seu pioneirismo, mas também por sua eficiência. Empregando tasers, cassetetes, planejamento estratégico e monitoramento ostensivo por câmeras, a força policial quase não precisa recorrer às pistolas. Para se ter uma ideia: em um ano, entre maio de 2012 e abril de 2013, policiais britânicos dispararam apenas TRÊS vezes.

Leia também

Guia de atrações em Londres

London Dungeon

London Bridge Experience

Nosso e-book com 7 dias de atrações em Londres:

pequeno-cta-roteiro-do-mapa-de-londres

Deixe seu comentário

2 comentários

  1. Não tem nenhuma previsão de data para essa exposição? Estou indo em março e gostaria muuuuito de visitar essa expo!